11.19.2013

uma data de folhas

Os meus lugares, a minha máquina fotográfica, uma data de folhas. Por enquanto chega para me confortar.
Gosto de pensar que volta tudo ao normal, ainda que o normal seja um lugar tão precário, tão incerto, tão distante do outro normal, ainda assim normal. Por enquanto o normal chega para mim.
Limpei o pó à dita das fotografias, finalmente, limpei o pó a tantas outras coisas, limpei o pó do último outono, dei um abraço a este outono, limpei o pó debaixo da cama, limpei o pó às minhas botas de sempre para quando não me chegar o normal, porque estar sempre pronta para ir nunca fez mal a ninguém. Limpei tanto pó nestes dias que sou capaz de ser feita de pó, um mísero sopro e lá vou eu, e logo eu que bem ia e logo eu que nunca me importei de ir.
Voltamos ao inicio, os meus lugares, a minha máquina fotográfica, uma data de folhas. A tal normalidade. Por enquanto a perfeição imperfeita destas folhas enternece-me, estas variações de vermelhos, castanhos e amarelos enchem-me o coração, por enquanto a tão esperada normalidade ainda sabe a dióspiro.
Por enquanto, porque o depois do enquanto é outra história.


E uma data de beijinhos.




IMG_0656
IMG_0653
IMG_0648
IMG_0659
IMG_0668
IMG_0667
IMG_0665
IMG_0660
pageout
IMG_0638

6 comentários:

Acerca de mim

A minha fotografia
O meu nome não é Rita Laranja. E gosto de tirar fotografias. amidnightinbuenosaires@gmail.com